.......... O Primeiro e maior Romance BDSM Brasileiro ..........

Submissão Concedida – 2ª Edição

         Revista, atualizada e com novas práticas

......................... CLIQUE AQUI e adquira o seu .........................

____________________________________________________________________________________________________________________

 

 

 

DICIONÁRIO   B.D.S.M.

(Bondage, Disciplina/Dominação, Submissão/Sadismo, Masoquismo)

By Mestre Jot@SM

Página Inicial

 

N

 

Nick (apelido)

 Apelido ou pseudônimo usado nas salas de bate papo e no meio virtual BDSM, que geralmente se estende ao meio real, onde Mestre e escravas se tratam pelo nick e  não pelo nome de batismo.

Os nicks podem indicar a condição de seu usuário. Seja pelo seu escrito (Mestre fulano, escrava cicrana), seja pela forma como se escreve ( existe a convenção de Doms usarem nicks com iniciais maiúsculas e escravas com iniciais minúsculas).

Os nicks também podem ter marcas de propriedade, indicando assim  que a escrava tem Dono.

       

Nipple Bondage

 Vide “Bondage de seios”.

       

Nipple Clamps

 Clamps aplicados aos seios.

 

 

 

 

O

 

Olhar

Vide “Vistas baixas”.

 

Orgulho

 Não confundir com o orgulho no sentido de prepotência, vaidade ou indisciplina. O Orgulho da escrava está em “ser escrava”, pois uma escrava deve ter orgulho de sua posição,  opção, entrega e dom. Isso a faz uma escrava orgulhosa, o que, na minha opinião pessoal, é a escrava perfeita.

Nas fotos selecionei uma cena em especial do clássico “História de O”, onde a atriz consegue passar a imagem e o semblante de uma escrava no seu maior momento de orgulho: Ao recusar uma proposta de casamento e pedir a seu Dono que a chicoteie antes do pretendente ao matrimônio chegar para receber a resposta que seria tão somente a imagem que está nas fotos... *sem comentários*

 

 

 

P

 

Palavra de Segurança

 Vide “safeword

 

Palmada

Ato de se bater com a palma das mãos.

 

Palmatória

Tala de madeira ou borracha, pesada, às vezes furada e/ou com ranhuras ou taxas, utilizada para spanking.

 

Pau de Arara

Forma e posição de se prender a escrava suspensa, de forma incômoda.

 

Pelourinho

Coluna de madeira, pedra ou mesmo metal, onde se prende a escrava  em pé para  exposição e tortura. Tronco.

 

Piercing

 Brincos para perfuração e ornamentação de partes do corpo.

No BDSM é utilizado como marca de propriedade.

 

Pinça

Um tipo de “clamps”, no formato de uma pinça, geralmente ligados a correntes.

 

Piss

 Vide “Chuva Dourada”

 

Play-Party

Reuniões sociais onde ocorrem se desenrolam cenas BDSM.

 

Plug

 Objeto em formato cônico ou cilindrico com um estreitamento na base, próprio para ser inserido no ânus ou mesmo na vagina. Alguns podem vibrar ou expelir líquidos. São usados para dilatação, treinamento/disciplinamento anal ou mesmo para humilhação da escrava, ao impor-se seu uso secreto em momentos cotidianos.

(baseado em www.desejosecreto.com.br/dicionario.html - Mestre Votan)

 

Pedofilia

Não confundir, como muitos, com pOdofilia. A pedofilia é uma prática criminosa que consiste em relações sexuais com menores de idade. Assim, considerando-se que legalmente os mesmos não tem capacidade para a consensualidade, sua ligação com o BDSM estaria de imediato comprometida, por impossibilitar e ferir a tríade do SSC.

 

Podofilia

É a fantasia sexual/atração por pés (Não confundir com “Pedofilia” que é o CRIME de seduzir menores de idade)

 

PoneyGirl

 Diz-se da praticante e da prática que consiste em transformar a escrava em égua, seja cavalgando sobre ela, seja com a utilização de charretes próprias.

 

Poney-Play

 Cenas onde um dos praticantes assume um papel eqüino.

 

Posições Incômodas

É comum a escrava ser presa em posições incômodas como forma de disciplinamento ou tortura.

 

Prendedores (de mamilos/genitais)

Um tipo de “Clamps”, semelhante ao usado para prender roupas em varal ou o próprio.

 

Privação dos Sentidos

Um dos meios de provocação de DOR PSICOLÓGICA. Técnica de dominação que reduz as informações sensoriais, utilizando-se mordaças, capuzes, vendas, tampões, e/ou outros instrumentos.

 

 

 

R

 

Rabo de gato

Chicote tipo flog com as tiras trançadas.

 

Raquete

 Utilizada para espancamento, como palmatória.

 

Regras

 Normas de conduta preliminares e básicas impostas à escrava.

 

Régua

Utilizada para espancamento, pode ser uma eficiente palmatória.

 

Relho

Chicote Hard, de couro seco trançado que provoca hematomas internos.

 

Rimming

É o sexo oral no ânus. Ato de lamber ou beijar o ânus.

(www.desejosecreto.com.br/dicionario.html - Mestre Votan)

 

Ritual

Pequena/média encenação durante uma sessão, com movimentos, comportamentos e falas pré-estabelecidos.

 

Roda

 Móvel de tortura muito usado na Idade Média e pela inquisição que consiste numa roda onde a vítima é presa em X.

Nas torturas medievais a vítima tinha seus braços e pernas quebrados para impedir sua sustentação na roda que era girada na maior velocidade possível.

Nas práticas BDSM a roda e utilizada para colocar com facilidade a escrava em diversas posições, inclusive de cabeça para baixo.

A “roda” não precisa ser obrigatoriamente circular. Uma cruz de Santo André pode perfeitamente servir de roda, se girar.

 

Roda de pinos

  Vide “esporas”.